Um brunch de amigas num dos recém-sítios mais badalados da cidade do Porto deu lugar a um almoço fora de horas numa boa descoberta.

IMG_7018

Fora dos planos

Tínhamos marcado a nova refeição da moda num dos espaços a que toda a gente vai, e se toda a gente vai nós também tínhamos de ir. A foto no instagram fica sempre bem e no sítio em questão era completamente imperativa. Contudo, e dado a concorrência do restaurante/ bar/ brunch bar, corríamos o risco de ter de esperar 40 minutos para nos podermos sentar numa mesa. Já para não contar com o tempo do serviço. Não estivemos para isso, e já que há tantos outros bons sítios na nossa cidade, a escolha, apesar de difícil, não demorou muito.

Ficar a abarrotar

Saltou a sugestão do Brick e decidimos dar uma oportunidade. Não era propriamente hora de almoço, aliás éramos as primeiras clientes, contudo também é verdade que quase todas as mesas do espaço interior estavam reservadas. Ficamos na esplanada. Veio a carta e, consequentemente, as dúvidas sobre o que pedir. Entre wraps, tostas e sanduíches variadas, não ficamos com o trabalho facilitado. No final de contas, duas de nós foram pela pizza de batata doce e ratatouille de legumes, a outra ficou-se pela tosta de camarão e manga. Opções diferentes e arrojadas que acabaram por ser ótimas escolhas. A pizza de batata doce estava deliciosa, muito bem servida em termos de legumes e todos eles temperados no ponto e deliciosos. A tosta não provei, mas palavras de quem o fez “estava muito boa”. Todos os pratos vinham muito bem servidos (aliás, nem consegui acabar o meu), o que me faz pensar que para a próxima será uma melhor opção pedir pratos diferentes e dividir.

IMG_7014IMG_7015

Uma limonada que soube a limão

Para acompanhar pedimos todas limonada. Quando chegou e a provei a primeira coisa que disse foi “é boa, sabe a limão”. Uma amiga minha riu-se e ainda gozou um bocado comigo, mas a verdade é que em quase todos os restaurantes onde peço limonada, esta sabe sempre quase mais a açúcar do que a limão. Esta, pelo paladar, nem um grão de açúcar tinha.

O preço

Sendo um restaurante diferente, com comida dita mais saudável, em plena baixa do Porto e com um serviço impecável, o preço não poderia ser mais justo. Qualquer sítio “da moda” pratica preços muito acima da média, o que por vezes seleciona um pouco o tipo de clientes. Contudo, e tendo pago 11€ por um prato que me satisfez bastante e uma limonada caseira, não sinto que tenha pago muito. Já para não falar da vista, que essa é impagável.

Não fossem tantos os sítios a experimentar no Porto que voltava ao Brick numa próxima vez. Não deixo de recomendar para quem queira experimentar uma refeição diferente, num espaço incrível.

Informações:

Brick Clérigos

Rua Campo dos Mártires da Pátria, 103, Baixa, Porto

Tlf: 223 234 735

 

Anúncios